Skip to main content
Escolha de repertório

Escolha de repertório

Escolha de repertório

Qual o melhor repertório para um pianista? Obviamente isso depende de que tipo de pianista estamos falando, mas há algumas regras básicas das quais ninguém consegue fugir.

Com certeza, um professor atento vai escolher para seu aluno peças de que ele goste, no estilo que mais o agrade e que ele tenha mais facilidade em tocar. Mas isso, muitas vezes, não garante a satisfação do aluno nem seu progresso. Alguma dificuldade sempre é necessária para que o estudante se desenvolva.

(mais…)



Share article on

Leia Mais

Samuel Quinto

Entrevista: Samuel Quinto

Pianista autodidata de jazz, pop, gospel, música clássica, bem como maestro, produtor musical, compositor, arranjador, educador e escritor brasileiro. Este é Samuel Quinto, que nasceu em Belém, no Pará, mas cresceu em Salvador, na Bahia.

Artigo40-2

A partir dos sete anos, desenvolveu seu talento musical em virtude do contato com o piano por meio do gospel, acompanhado na Igreja Batista que frequentara durante a infância com sua família em Salvador. (mais…)



Share article on

Leia Mais

Mozart

Mozart – o gênio precoce

Wolfgang Amadeus Mozart, foi um músico e compositor austríaco, considerado um dos maiores nomes da música erudita e um  de seus mais importantes compositores. São dele muitas das composições mais famosas do repertório clássico, popularizadas por um sem-número de interpretações e releituras, nos mais variados gêneros e estilos.

Mozart

(mais…)



Share article on

Leia Mais

Piano de cauda

Os diferentes tipos de pianos de cauda

Piano de cauda

O sonho de todo pianista é ter um piano de cauda na sala. E não são apenas os músicos que se encantam com a beleza de um instrumento como esse. Muitas pessoas consideram o piano um dos objetos de decoração mais elegantes que um ambiente pode ostentar.

O que a maioria desconhece, no entanto, é que os pianos de cauda, também chamados horizontais, podem apresentar tamanhos diversos, que se adaptam tanto às necessidades de sonoridade quanto às restrições de espaço que, muitas vezes, são determinantes na escolha do modelo.

É importante lembrar que o volume sonoro e o timbre de um piano têm relação com o comprimento das cordas e o tamanho da caixa harmônica, portanto alguns modelos são indicados para ambientes menores, enquanto outros são ideais para grandes salas de concerto.

(mais…)



Share article on

Leia Mais

Pedal de Sustain

Como usar o pedal de sustain?

Usando o pedal de sustain

O pedal direito dos pianos, também chamado pedal de sustain, é o mais utilizado, mas nem todos sabem quando e como ele deve ser aplicado.

Quando acionado, o pedal direito do piano afasta os abafadores das cordas, permitindo que elas vibrem livremente, o que causa um prolongamento do som. Esse recurso é muitas vezes utilizado para facilitar a interpretação de notas de modo ligado, quando não é possível fazê-lo por meio da digitação, ou quando é necessário que alguns sons continuem soando mesmo que as teclas sejam soltas.  Além disso, as cordas soltas vibram simpateticamente às das notas tocadas, enriquecendo o timbre do instrumento pela adição de harmônicos. (mais…)



Share article on

Leia Mais

Idade para piano

Qual a idade certa para começar a estudar piano?

estudar piano

Muitas pessoas têm dúvidas sobre qual a época certa para iniciar seus estudos de piano e se dedicar à música. A maioria acredita que só se pode ter sucesso como pianista se o estudo começar muito cedo, na primeira infância.

Sem dúvida, essa fase é um campo fértil para o aprendizado de qualquer assunto. Mas aprender um instrumento musical não significa, necessariamente, se tornar um virtuose: trata-se de uma questão de amor pela arte e, sobretudo, realização e satisfação pessoal.

O mundo profissional da música, mais especificamente no campo erudito, é um pouco ingrato em relação à idade. Para construir uma carreira internacional, o músico precisa participar de concursos para angariar visibilidade, e essas competições possuem regras bem específicas em relação à idade dos participantes.

(mais…)



Share article on

Leia Mais

Artigo37-2

Beringer – Exercícios Técnicos Diários

Artigo37-2

O método de técnica pianística de Oscar Beringer, chamado Exercícios Técnicos Diários, é igualmente amado e odiado por estudantes e pianistas. Resultado da experiência do autor como estudante e pianista, o livro é uma das opções – talvez a mais popular – de continuidade de estudos após o domínio dos exercícios de Hanon.

Considerado superior em termos de dificuldade e resultados em comparação ao método de Hanon, o livro de Beringer, ao contrário daquele, oferece ao estudante a oportunidade de trabalhar sobre teclas brancas e pretas.

Dividido em 10 capítulos, o compêndio traz estudos para os cinco dedos com movimento progressivo da mão, exercícios de escalas, exercícios de acordes, mudança de dedos sobre uma mesma nota, estudos em terças, sextas e acordes, estudos de oitavas e acordes, exercícios de extensão, para cruzamento e mudança de mãos e polirritmia, além de um apêndice incluindo escalas e arpejos com digitação usual.

(mais…)



Share article on

Leia Mais

Artigo36-7

Una corda – o uso do pedal abafador

Artigo36-7

Desde sua invenção, por Bartolomeo Cristofori di Francesco, vários foram os desenvolvimentos técnicos que o piano recebeu até chegar ao padrão atual. E, mesmo assim, ainda há tentativas de incorporar inovações e recursos ao instrumento.

Um dos recursos mais antigos do piano foi inventado pelo próprio Cristofori: o pedal abafador, também chamado “una corda” ou “soft”. Em alguns de seus pianos, era possível mover o mecanismo de modo que os martelos golpeassem apenas uma das duas cordas existentes por nota, o que propiciava alteração timbrística e, obviamente, uma redução no volume sonoro. O inconveniente do mecanismo de Cristofori era o fato de ser acionado manualmente, o que exigia uma mão livre para o uso.

(mais…)



Share article on

Leia Mais

Act_inbound_marketing_Fritz_Dobbert_Artigo_Chopin_3

Chopin – o príncipe dos românticos

Act_inbound_marketing_Fritz_Dobbert_Artigo_Chopin_3

O que os pianistas Krystian Zimerman, Martha Argerich, Arthur Moreira Lima, Maurizio Pollini e Vladimir Ashkenazy tinham em comum antes de consolidarem suas carreiras internacionais?

Todos eles foram premiados no Concurso Internacional Chopin, um dos mais tradicionais e importantes da história. Não à toa, o concurso leva o nome desse gênio das teclas que imprimiu novas características tanto à composição quanto à execução pianísticas.

Frédéric Chopin se tornou um dos mais adorados e conhecidos compositores de música para piano graças à popularidade e acessibilidade de sua obra, enaltecida tanto em concertos e recitais quanto no cinema e na televisão.

(mais…)



Share article on

Leia Mais