Skip to main content
Escolha de repertório

Escolha de repertório

Escolha de repertório

Qual o melhor repertório para um pianista? Obviamente isso depende de que tipo de pianista estamos falando, mas há algumas regras básicas das quais ninguém consegue fugir.

Com certeza, um professor atento vai escolher para seu aluno peças de que ele goste, no estilo que mais o agrade e que ele tenha mais facilidade em tocar. Mas isso, muitas vezes, não garante a satisfação do aluno nem seu progresso. Alguma dificuldade sempre é necessária para que o estudante se desenvolva.

Leia Mais

Samuel Quinto

Entrevista: Samuel Quinto

Pianista autodidata de jazz, pop, gospel, música clássica, bem como maestro, produtor musical, compositor, arranjador, educador e escritor brasileiro. Este é Samuel Quinto, que nasceu em Belém, no Pará, mas cresceu em Salvador, na Bahia.

Artigo40-2

A partir dos sete anos, desenvolveu seu talento musical em virtude do contato com o piano por meio do gospel, acompanhado na Igreja Batista que frequentara durante a infância com sua família em Salvador. Leia Mais

Piano de cauda

Os diferentes tipos de pianos de cauda

Piano de cauda

O sonho de todo pianista é ter um piano de cauda na sala. E não são apenas os músicos que se encantam com a beleza de um instrumento como esse. Muitas pessoas consideram o piano um dos objetos de decoração mais elegantes que um ambiente pode ostentar.

O que a maioria desconhece, no entanto, é que os pianos de cauda, também chamados horizontais, podem apresentar tamanhos diversos, que se adaptam tanto às necessidades de sonoridade quanto às restrições de espaço que, muitas vezes, são determinantes na escolha do modelo.

É importante lembrar que o volume sonoro e o timbre de um piano têm relação com o comprimento das cordas e o tamanho da caixa harmônica, portanto alguns modelos são indicados para ambientes menores, enquanto outros são ideais para grandes salas de concerto.

Leia Mais

Pedal de Sustain

Como usar o pedal de sustain?

Usando o pedal de sustain

O pedal direito dos pianos, também chamado pedal de sustain, é o mais utilizado, mas nem todos sabem quando e como ele deve ser aplicado.

Quando acionado, o pedal direito do piano afasta os abafadores das cordas, permitindo que elas vibrem livremente, o que causa um prolongamento do som. Esse recurso é muitas vezes utilizado para facilitar a interpretação de notas de modo ligado, quando não é possível fazê-lo por meio da digitação, ou quando é necessário que alguns sons continuem soando mesmo que as teclas sejam soltas.  Além disso, as cordas soltas vibram simpateticamente às das notas tocadas, enriquecendo o timbre do instrumento pela adição de harmônicos. Leia Mais