Skip to main content
piano na praia ao pôr do sol

Como tocar bossa nova no piano

piano na praia ao pôr do sol

Um dos estilos musicais mais influentes na música do mundo todo, a bossa nova teve suas origens em solo brasileiro, com raízes no samba e no jazz. Contrariando a tradição da época, os cantores abandonaram a impostação vocal e passaram a cantar de forma mais intimista, por vezes até sussurrando. O grande inspirador dessa tendência foi João Gilberto que, em 1958, gravou o samba “Chega de Saudade”, de autoria de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, lançado originalmente por Elizeth Cardoso no álbum Canção Do Amor Demais. O acompanhamento ao violão feito pelo baiano trazia, pela primeira vez, a batida que se tornaria característica do estilo.

Mas, apesar de a bossa nova ter ficado caracterizada pelo bordão “um banquinho, um violão”, o piano teve importância ímpar tanto na criação do estilo quanto em sua popularização. Muitos foram que contribuíram para a consolidação do estilo e agregaram elementos que fizeram da bossa nova um marco na história da música. Entenda como tocar bossa nova no piano em nosso artigo.

 

Pão de Açúcar no Rio de Janeiro

Bossa nova ao piano

Filtrando as características mais inerentes ao jazz e as improvisações que povoaram as gravações das décadas de 1950 e 1960, a bossa nova tem como elemento mais importante e característico o ritmo. Ao contrário do samba tradicional, com ênfase no tempo forte, a bossa nova cultuou a síncope, realçando o tempo fraco, e esse deslocamento é o responsável pelo balanço peculiar do estilo. Além disso, a liberdade de alterar o padrão rítmico, inserindo ou omitindo elementos, trouxe um frescor às interpretações que, antes, não era conseguido.

palavra bossa nova em dicionário

Para saber como tocar bossa nova no piano, é importante dominar alguns padrões básicos, de forma a poder acompanhar as melodias. Dessa forma, pode-se alternar entre padrões ou mesmo esquecê-los, tendo em mente que a fluidez é uma das características do estilo.

O pianista pode iniciar o estudo da bossa nova com um padrão simples, muito apropriado para canções mais lentas:

Exemplo 1

partitura para tocar bossa nova no piano

Uma variação pode ser aplicada, para imprimir ainda mais balanço à levada de bossa nova:

Exemplo 2

partitura para tocar bossa nova no piano

Em uma sequência harmônica, a antecipação do acorde quando da mudança de harmonia reforça a ideia da sincope e traz mais fluidez ao padrão rítmico.

Exemplo 3

partitura para tocar bossa nova no piano

A omissão de alguns dos acordes da mão direita podem trazer ainda mais leveza, recurso principalmente utilizado para valorizar a melodia.

Exemplo 4

partitura para tocar bossa nova no piano

Quando tocando a melodia na mão direita, a esquerda deve acomodar tanto o baixo quanto os acordes do acompanhamento, o que, por vezes, pode se tornar um pouco mais difícil. Nesses casos, a independência entre as mãos deve ser estudada a fim de ser assegurada.

Exemplo 5

partitura para tocar bossa nova no piano

Obviamente, os exemplos aqui apresentados de como tocar bossa nova no piano são apenas ideias para que se inicie o estudo e, embora atendam bem à maioria das canções compostas no estilo, podem sofrer alterações de acordo com o andamento do arranjo ou o estilo da composição. Além disso, cada pianista da época desenvolveu seu próprio estilo e a audição atenta dos grandes clássicos pode inspirar a criação de padrões.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*